quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Guia de férias...

As férias finalmente chegaram! É hora de relaxar e recarregar as baterias. Para ajudar você a aproveitar o merecido descanso, segue  um link para você com sugestões como: 89 livros, mais de 100 filmes, 102 textos literários, mais de 100 passeios, cursos e eventos. Divirta-se!


segunda-feira, 5 de novembro de 2012

10 minutos para dormir bem...

Estudo norte-americano preconiza relaxamento e respiração profunda para cair no sono

Um novo estudo sugere que uma técnica simples, de apenas 10 minutos, pode reduzir a tensão e tornar mais fácil o momento de dormir.
A abordagem, projetada para ser feita pouco antes de ir para a cama, envolve técnicas de relaxamento. Os pesquisadores recomendam manter o foco em um lugar sereno e convidativo – por exemplo, ondas de uma praia ou de um lago tranquilo, rodeado por árvores altas - e respiração lenta e profunda. Tudo isso por, no mínimo, 10 minutos antes de deitar.
"A técnica baseia-se em um estudo prévio, que mostra quanto o estresse afeta negativamente o sono", disse Arn Eliasson, consultor de pesquisa do Projeto Saúde Integrativa Cardíaca, do Walter Reed Militar Nacional Medical Center, dos Estados Unidos.
O estudo, apresentado em outubro, durante a reunião anual do American College of Chest Physicians, em Atlanta (EUA), sugere que a técnica reduz o tempo para cair no sono, além de melhorar a qualidade do descanso e reduzir a fadiga.

A pesquisa mostrou que o déficit de sono está associado a risco aumentado de diabetes , doença cardiovascular , depressão , acidentes rodoviários e outros problemas. De acordo com o Centro Nacional de Pesquisa de Distúrbios do Sono, dos EUA, de 30% a 40% dos adultos têm algum sintoma de insônia - a incapacidade de adormecer ou continuar dormindo - e cerca de 10% a 15% dos adultos têm insônia crônica.

Insônia

A pesquisa envolveu 135 homens e 199 mulheres com idade média de 56 anos. Todos os participantes tinham servido o exército ou eram dependentes de militares. Uma minoria tinha transtorno pós-traumático, um grave transtorno de ansiedade que pode se desenvolver após exposição a evento que resulte em trauma psicológico.
Os participantes completaram um questionário de 14 itens. Entre outras questões, eles responderam quanto tempo levavam para cair no sono, a freqüência de distúrbios do sono, qual o uso de medicamentos para dormir e quantas vezes ao longo do mês o cansaço afetou as atividades durante o dia.
Na sequência, os participantes seguiram o programa chamado "Tensão Tamer", que incluiu um workshop de 30 minutos iniciais seguidos de uma série de quatro visitas de 30 minutos com um especialista em gestão de estresse para praticar a técnica.

O estudo mostrou que 65% dos participantes melhoraram a percepção do estresse, mas 34% pioraram seus níveis de estresse. Aqueles que reduziram o estresse mostraram diferenças significativas na qualidade do sono, com menor tempo para adormecer e diminuição da fadiga.


Críticas


No entanto, um especialista em sono pediu cautela na interpretação do estudo. "Esta não é uma técnica nova. Tem um nome luxuoso, Tensão Tamer, mas a redução do estresse sempre foi importante para ajudar as pessoas a dormir," disse Aparajitha Verma, diretor médico do Hospital Disorders, em Houston (EUA).
Para Verma, a redução do estresse vai ajudar de qualquer maneira, mas é imprescindível saber por que as pessoas estão tendo dificuldade para dormir.
"Minha filosofia é que, a não ser que você chegue ao fundo da causa, você não será eficaz. Há sempre uma razão para que a insônia: pode ser depressão, transtornos de humor, problemas digestivos, dores, medicamentos e outros fatores", Verma explicou. "Às vezes, você tem que ser um detetive para encontrar a fonte do problema."
Embora a redução do estresse seja útil, a técnica não deve ir longe. "Isso vai ajudar a dormir, mas não vai garantir boa qualidade do sono, ou resolver um problema na apnéia do sono, por exemplo."
Verma recomenda que as pessoas se comprometam a ter um tempo antes de deitar para relaxar e se desligar das questões e estímulos do dia. "Você precisa fazer do ato de dormir uma prioridade", aconselhou.


quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Calor forte, hipoglicemia e estresse podem ser causas de tontura

Desequilíbrio é uma das queixas mais comuns nos consultórios médicos.

Dias quentes exigem cuidados; é importante evitar movimentos bruscos.

A tontura é uma das queixas mais comuns nos consultórios médicos e pode ter diversas causas, que em geral, estão ligadas ao labirinto, órgão do sistema nervoso que está relacionado à audição e à percepção de posição do corpo.
Esses desequilíbrios são comuns em dias de muito calor e, para evitar que isso aconteça, é importante se hidratar, beber muita água e comer alimentos leves e frutas com bastante água. Segundo a pediatra Ana Escobar, as pessoas devem também evitar movimentos bruscos durante os dias muito quentes. Ao acordar e levantar, é ideal que os movimentos sejam realizados devagar para que não desencadeie crises de tontura.


Existem também outras causas como estresse, hipoglicemia, jejum prolongado, anemia, gripe, enxaqueca, queda de pressão, medicamentos, doenças cardiovasculares e o uso de bebidas alcoólicas. Quando o labirinto é afetado por fatores infecciosos, inflamatórios ou decorrentes de tumores, a pessoa fica com a sensação de ter perdido o equilíbrio.
Para funcionar perfeitamente, o labirinto precisa de energia, ou seja, glicose, por isso ficar sem comer por muito tempo pode causar problemas. Alimentos doces, como uma barra de cereal ou uma banana, ou até mesmo açúcar já podem minimizar o efeito da tontura. Falta de oxigênio, desidratação e baixo fluxo sanguíneo também comprometem o funcionamento do labirinto e do cérebro como um todo.
Esse baixo fluxo sanguíneo pode ser desencadeado pelo estresse, que causa maior carga de adrenalina. Além disso, quem se estressa fica com a respiração mais curta, o que faz com o que o pulmão retenha mais gás carbônico e atrapalhe a oxigenação do sangue.
Para que o sangue volte para a cabeça em casos de crises de tontura, a recomendação é abaixar a cabeça ou deitar com as pernas para cima.
Pessoas que consomem bebidas alcoólicas podem ter tontura e também vertigem. A tontura é uma ilusão de movimento que a pessoa tem de si mesma e do ambiente e pode causar vontade de desmaiar, sensação de cabeça vazia e desequilíbrio.
Já a vertigem dá a sensação de que o ambiente gira em torno da pessoa ou de que ela está girando em torno do ambiente e pode causar enjoos – situação característica em quem acabou de beber.
O álcool causa intoxicação do labirinto, o que também diminui os níveis de glicose no sangue, prejudica a descarga de informação que o labirinto manda para o cérebro e dá a sensação de tudo estar girando. O nervo vago, então, tenta eliminar a causa da irritação no labirinto (o álcool) e faz com que o estômago queira jogá-la fora, o que causa o enjoo e os vômitos.
Além do labirinto, existem outros dois sistemas no corpo responsáveis por mantê-lo equilibrado: a propriocepção (capacidade de reconhecer a localização espacial do corpo) e a visão.
Quando estão em sintonia, esses sistemas garantem o equilíbrio. Situações como viagens de navio ou viagens de carro podem causar desequilíbrio entre esses sistemas, ou seja, o movimento detectado pela visão tira a referência do labirinto, causando enjoo e tontura.
Algumas pessoas, no entanto, sofrem mais com esses problemas porque são mais sensíveis e perdem o equilíbrio com mais facilidade. Por exemplo, os idosos já têm as estruturas do corpo mais degeneradas e sofrem muitas quedas por tontura. Alterações no organismo ao longo do tempo causam compressão dos vasos e dificultam a ida do sangue para o cérebro e para o labirinto, o que deixa o idoso tonto apenas ao levantar a cabeça, abaixar ou levantar.
 

INDICADO
VERA LÚCIA
SECRETARIA

Mirante é novidade na visita guiada às obras do Maracanã, no Rio

Do local, visitante terá uma visão panorâmica dos trabalhos em curso.
Agendamento para visita ao estádio deve ser realizado por e-mail.


Começaram no dia 20 de outubro as inscrições para a próxima visita guiada às obras do estádio do Maracanã, na Zona Norte do Rio de Janeiro, que está marcada para o dia 10 de novembro. A novidade é um mirante que fica no último andar da torre de vidro, onde o visitante terá uma visão panorâmica dos trabalhos que estão em andamento, como mostro o Bom Dia Rio nesta quarta-feira (31).
As visitas começam às 9h e são realizadas de hora em hora, sempre em grupos de no máximo 60 pessoas. O roteiro começa no showroom, instalado ao lado do portão 18, onde estão expostas amostras de equipamentos e peças que farão parte do futuro estádio, como cadeiras, catracas, pisos, além da maquete. Em seguida, o visitante segue para a torre de vidro, onde há a calçada da fama e estátuas de craques do futebol brasileiro e loja de souvenirs e por fim, segue para o mirante.
 
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2012/10/mirante-e-novidade-na-visita-guiada-obras-do-maracana-no-rio.html

INDICAÇÃO
VERA LÚCIA
SECRETARIA

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

IV Mostra Cultural – EJA 2012 - Nordesteando

Devido ao fato de termos um número significativo de alunos migrantes da Região Nordeste foi escolhido esse tema. Foram desenvolvidas atividades referentes à cultura nordestina em todas as disciplinas.
O Brasil é um país composto de muitas raças, culturas e tradições. É muito rica e diversificada a produção cultural de um povo; mas o nordestino é especial.
A Região Nordeste é composta de nove estados, cada um com suas características culturais, o modo de vida, a culinária, a música e o artesanato.
OBJETIVOS

 Resgatar e identificar traços culturais de alguns estados da Região Nordeste.
 Valorizar a cultura nordestina.
 Estabelecer contato com manifestações culturais diferentes.
 Perceber as diferentes formas de manifestação popular.
 Desenvolver a oralidade, a escrita e ampliar o vocabulário.

ATIVIDADES

 Localizar os estados que fazem parte da Região Nordeste no mapa.
 Produzir textos individuais e coletivos relacionando às poesias de autores nordestinos.
 Confecção de instrumentos musicais.
 Realizar trabalhos de artesanato característico dos estados trabalhados.
 Assistir vídeos ilustrativos e documentários.
 Fazer pesquisas de receitas típicas, lendas e costumes.
 Realizar oficinas de culinária artesanato.
 Confecção de painel.

ALFABETIZAÇÃO

Professoras: Ana Salete e Viviane

 Artesanato: Violão de sucata.
 Poesia: Sem Título.
 Autor: ANTONIO RISÉRIO (BA).
 Pesquisando alguns estados:
Maranhão, Bahia e Piauí.

MÓDULOS 1 e 2

Professora: Mônica

 ARTESANATO: Chocalho de sucata.
 Poesia: Via Caiapó.
 Autor: ANTONIO RISÉRIO (BA).
 Pesquisando alguns estados:
Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.

MÓDULOS 3 e 4

Professora Carla

 Artesanato: Tambor de sucata.
 Poesia: Fim de Caso.
 Autor: ANTONIO RISÉRIO (BA).
 Pesquisando alguns estados:
Ceará, Sergipe e Alagoas.

  Tivemos a presença da professora de dança Rafaela Dony que orientou alguns passos do Forró.

Todos deram um show na dança! Veja no vídeo!!!


 


terça-feira, 23 de outubro de 2012

Saúde - Alimentação e Bem-Estar

Feijão, morango e outros 12 alimentos na prevenção ao câncer de mama.



Dieta saudável e exercício físico evitariam 14 mil casos de câncer de mama por no no Brasil. Veja quais alimentos priorizar na dieta.

Outubro foi escolhido como o mês de conscientização sobre o câncer de mama , uma das doenças mais letais entre as mulheres. Para os oncologistas, a primeira mudança indicada para o chamado “Outubro Rosa” está na alimentação.

Outubro rosa alerta sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama.



As pesquisas sobre os efeitos da dieta saudável na prevenção dos tumores já estão consolidadas. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca) o controle do peso e a substituição dos industrializados por alimentos saudáveis são capazes de reduzir em 28% os casos de câncer de mama. Fazendo as contas isso indica que, apenas em 2012, 14 mil novos casos da doença seriam evitados, já que são esperados 52 mil novos registros no ano.



Alimentação e exercícios : controle da obesidade reduz em 28% câncer de mama.

A nutricionista da Clínica Mayo da Flórida (EUA), Sonia Murgueytio Jurado, elencou quais são os alimentos mais protetores contra o câncer de mama. Segundo ela, esses ingredientes são ricos em ligninas, flavonoides e licopenos. Além disso, ela orienta a reduzir o consumo de carne vermelha para apenas duas vezes por semana, utilizar o azeite de oliva no cozimento dos produtos e apostar nas comidas frescas e não industrializadas. Outra dica é colocar frutas em todas as refeições, seja na salada ou sobremesa.



A nutricionista Sonia Jurado atende pacientes com câncer e ensina como a dieta pode prevenir a doença.
Dica de Vera Lúcia
Secretaria

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

E viva a diferença...

Deu nos jornais de ontem: segundo dados do Censo de 2010, a  maioria dos brasileiros tende a se casar com parceiros de mesma etnia, classe social e escolaridade. Pelo menos o já conhecido conservadorismo verde-amarelo não se reproduz (ufa!) no mundo da gastronomia. Casórios etílico-culinários promovidos pelos chefs da cidade têm juntado champanhe a feijoada e caipirinha a foie gras, entre outras celebrações à diferença, ingrediente que a sociedade, devagar, ainda aprende a apreciar.

Alessandro Soler
RIOSHOW
19/10/12



OBS: O foie gras é um termo que em francês significa "fígado gordo" – é o fígado de um pato ou ganso que foi super-alimentado. Junto com as trufas, o foie gras é considerado uma das maiores iguarias da culinária francesa. Possui consistência amanteigada e sabor mais suave em relação ao fígado normal de pato ou ganso.



quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Educação...

"A principal meta da educação é criar indivíduos capazes de fazer coisas novas e não simplesmente repetir o que as outras gerações fizeram. Indivíduos que sejam criadores, inventores, descobridores.  A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe."

Jean Piaget


sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Eleição 2012 - Simulação de Votação...

Nossos alunos exercendo a cidadania através do voto direto para Prefeito do RJ, participaram da votação no Laboratório de Informática com muito interesse, entusiasmo e alegria.
Antes, porém, da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental I, cada um recebeu o modelo de um Título de Eleitor, onde preencheu com nome, data de nascimento e assinaram-no. Cada professora regente assinou como Juiz Eleitoral.
Tivemos um mesário por turma, o qual recebia o Título das mãos de cada coleguinha e marcava a presença ao lado dos respectivos nomes. As turmas da Ed. Infantil como Pré II e Pré I tiveram como mesário a própria professora regente de turma.
Antes, cada turma recebeu explicação da função do mesário e de como seria a votação. As turmas da Ed. Infantil ficaram a par da plataforma política de cada candidato, visando o que têm de melhor para a educação.
Durante três semanas antes da votação, foram espalhados cartazes pelo Colégio contendo as fotos dos candidatos a prefeito e seus respectivos vices, onde os alunos puderam escolher o seu candidato.
As demais turmas do EF II e EM também participaram da votação na urna eletrônica, inclusive as turmas do curso noturno.
As professoras do noturno conversaram com seus alunos sobre a prática do exercício da cidadania através da votação direta para prefeito.
Assim, todos viveram a experiência de votar e entenderam melhor como funciona o processo.

 
Confira algumas fotos!


Simulação da Urna Eletrônica

Simulação de Título de Eleitor

"Mesária" recebendo o "Título da eleitora".

Nossa "eleitora mirim" do 1º ano do EFI, muito feliz por ter praticado a cidadania.

"Mesário" conferindo as presenças na listagem.

"Eleitor", após a votação, posa para foto segurando seu "Título de Eleitor".

"Mesário" aguardando os "eleitores."

Nosso futuro eleitor exercendo a cidadania.

A graça de nossa "eleitora mirim" ao término da votação.

Professora Rosângela conversando com sua turma a respeito do processo eleitoral.

Professora Regina exercendo a cidadania através do voto direto para Prefeito do RJ.

Momento de descontração de um grupo de alunos da 2ª série do E.M após o exercício de simulação da cidadania.

Alguns alunos do curso noturno, em roda após conversação sobre o processo eleitoral, aguardando
a simulação do exercício da cidadania.

OBS:as demais fotos, encontram-se nos seus respectivos segmentos, no site do Colégio.

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

Isso é ARTE...

Já ouviu falar em Gilbert Legrand? Pois é, esse artista francês é genial, cria esculturas reutilizando materiais de todos os tipos. Com muita criatividade, nos faz viajar na imaginação ao vermos todo o seu acervo de arte, além das fotos que também ficam no mesmo patamar de criatividade. Sem limite de expressão, pois expressa a arte de uma forma tão inusitada e única que nos surpreende a todo momento.


Confira no link abaixo:



Indicação:
Vera Lúcia
Secretaria

Viver Bem...

Pensando na nossa qualidade de vida e bem estar, pesquisei e veja o que encontrei.

Nós, homem moderno, devemos seguir metas importantes para atingir o objetivo: VIVER BEM COM QUALIDADE DE VIDA.

Sono: quantidade x qualidade

Já escrevi sobre qual a quantidade de horas de sono que devemos ter por noite. O ideal é dormir o tempo que seu corpo solicitar. Ele sabe do que precisa. Mas há um outro – e mais importante – fator a se levar em consideração quando falamos de sono: a qualidade. Um noite bem dormida está condicionada à ausência de dois aspectos essenciais. O primeiro é a restrição das horas de sono que pode resultar de uma demanda aumentada de trabalho, responsabilidades familiares, utilização de medicamentos, desenvolvimento de distúrbios como a apneia e a insônia, e estilos de vida inadequados. O segundo aspecto é a fragmentação, que normalmente é desencadeada por condições médicas ou fatores ambientais como temperatura, presença de ruídos e luz.
Uma noite mal dormida pode levar a prejuízo nas funções cognitivas, redução do tempo de reação, déficit de memória, falha de aprendizado, mudanças no estado de humor, fadiga, alterações metabólicas, endócrinas e cardiovasculares como quadros de hipertensão arterial e diabetes.
Para evitar esse quadro e buscar uma noite de sono mais tranquila procure seguir algumas regras para ’Higiene do Sono’:
1- Mantenha com regularidade os horários de dormir e acordar, inclusive nos finais de semanas. Evite oscilações maiores do que 2 horas, para mais ou para menos;

2- Vá para cama somente quando estiver com sono. Não a utilize para outras atividades como ler, trabalhar ou estudar;

3- Evite assistir TV no quarto, pois é uma fonte de estímulos que pode aumentar o alerta pré-sono;

4- Evite cochilos longos (superior a 30 minutos) ou frequentes ao longo do dia;

5- Cuide e prepare o ambiente para dormir, controlando a luminosidade e os ruídos;

6- Evite ingerir bebidas estimulantes como chás, café e refrigerantes próximo ao horário de dormir;

7- Procure relaxar a mente antes de se deitar. Uma boa tática para isso é fazer alguns exercícios de alongamentos;

8- Pratique exercícios físicos regularmente, mas evite realizá-los muito próximo ao horário de dormir. Em algumas pessoas isso prejudica o início do sono;

9- Não fique “rolando na cama”. Se acordar durante a noite. Levante e retorne quando se sentir novamente sonolento;

10- Nunca utilize medicação para dormir sem a orientação de um médico especialista.


Por: Carolina D'Aurea - Fisioterapeuta (01/10/2012 às 10:39 )

http://veja.abril.com.br/blog/viver-bem/   (acesse o link e veja outros assuntos pertinentes a VIVER BEM...)

Indicação:
Vera Lúcia
Secretaria

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Carrinho de Rolimã

Você já andou num carrinho de rolimã? As crianças do Integral andaram e  divertiram-se muito! Com o auxílio do Mestre Grilo e ainda resgatando antigas brincadeiras e brinquedos, todos brincaram a valer!!!










Coordenação do Horário de Extensão,
Lucinha.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

II Gincana Interna do COMPANHIA DE MARIA 2012

Assista alguns vídeos da II GINCANA INTERNA divertindo-se com o show de animação, disciplina, originalidade, criatividade e talento de todos os nossos alunos.
Para ver as fotos da II Gincana Interna, vá no site do Colégio em Ensino FundamentalII (aconteceu 2012) e as fotos dos jogos com o Placar estão em Ensino Médio (aconteceu 2012).

Tarefa Surpresa I

Tarefa Surpresa II - Cabo de Guerra

Tarefa 04 - Coral
Música: Maria, Maria - Milton Nascimento
Bandeira Amarela

Tarefa 04 - Coral
Música: Maria, Maria - Milton Nascimento
Bandeira Verde 

Tarefa 05
Quanto Vale o Show?
Bandeira Verde

Tarefa 05
Quanto Vale o Show?
Bandeira Amarela

Tarefa 06
Quanto Vale o Show!
Livre Masculino
Bandeira Amarela


 Tarefa 06
Quanto Vale o Show!
Livre Masculino
Bandeira Verde

Tarefa 07
Quanto Vale o Show!
Livre Feminino
Bandeiras: Amarela e Verde


Tarefa 08
Atividade Física

Tarefa 10
Você sabe pregar um botão?


             
      PLACAR  
    VERDE       /      AMARELA
 
Esportes   =  18 Vitórias  /  17 Vitórias


Doações de Alimentos

Fundamental I = 210 kg

Fundamental II + Ensino Médio = 114, 5 kg

Total de Doações = 324,5 kg

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Mensagem...

Renda-se



Certo dia, enquanto brincava com um vaso muito valioso, um garotinho colocou a mão dentro dele e não conseguiu tirá-la. Seu pai tentou ajudá-lo, mas não obteve êxito. Eles já estavam pensando em quebrar o vaso quando o pai disse:


— Vamos, meu filho, faça mais uma tentativa. Abra a mão, estique os dedos da maneira como estou fazendo e puxe-a com força.

Para sua surpresa, o garotinho disse:

— Não posso, papai. Se eu esticar os dedos, minha moeda vai cair dentro do vaso.

Sorria se você quiser... Quase todos nós somos iguais a esse garotinho: tão apegados às pequenas coisas do mundo que não podemos aceitar a libertação. Peço que você solte aquela pequena moeda que está dentro de seu coração. Renda-se! Solte-a e permita que Deus conduza sua vida.




GRAY, Alice. Histórias para o Coração: Mais de Cem Histórias que Tocam seu Coração. Organizadora: Alice Gray; tradução de Maria Emília de Oliveira – Campinas: United Press, 2001.

http://www.construirnoticias.com.br/asp/materia.asp?id=1926

segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Show de talentos...


O show foi organizado principalmente pelos alunos, com a ajuda da professora e partiu da leitura da “Parábola dos Talentos.”


Apresentando, cantando, tocando, dançando, desenhando e jogando futebol cada um mostrou seus dons e participou.


O sucesso dos artistas foi grande!







Coordenação do Integral,
Lucinha.

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Como ajudar seu filho a gostar de ler...





Nem sempre as crianças gostam de ler, deixando pais e professores preocupados com o fato. Sabemos que a criança não percebe os efeitos benéficos que a leitura pode trazer.

Sabemos que a leitura de jornais e revistas nos deixa mais informada sobre o mundo.

A literatura nos faz viajar sem sair de casa, conhecendo mundos diversos.

A história nos ajuda a lidar com os problemas da vida, ampliando nossa visão de mundo.

A leitura nos estimula a refletir, nos ajuda a amadurecer e a crescer.

A leitura obrigatória nem sempre é prazerosa.

Devemos estimular a leitura com o nosso exemplo. Devemos ler sempre perto da criança.

Devemos sempre conversar com a criança sobre o lemos e sobre o que ela lê. Isso serve de ponto de encontro e de diálogo entre pais e filhos.

Não se pode esperar que só a escola cumpra esse papel. Os professores podem ajudar muito, mas dificilmente vão conseguir mudar o comportamento que vem de casa.

Os pais podem incentivar a leitura dos filhos, levando-os para conhecer bibliotecas, livrarias e sebos. Não se esquecendo de presentear os filhos com bons livros.

Vale a pena incentivar o filho a ler, isto é um ato de amor.



Bibliotecária

Nilza Maria

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Preocupados com sua saúde...

Batata yacon controla diabetes, colesterol e aumenta a saciedade


Conheça outros benefícios para a saúde desse carboidrato de baixa caloria.




Provavelmente você já deve ter se deparado com ela na feira ou no mercado. Originária dos Andes, a batata yacon tem uma consistência macia e um gosto adocicado, parecido com uma pera, apesar se sua aparência lembrar a da batata doce. "O consumo recomendado é até de duas a três batatas por dia, considerando a quantidade recomendada de carboidratos de uma alimentação balanceada", diz o nutrólogo Roberto Navarro, da Associação Brasileira de Nutrologia, de São Paulo. A yacon é famosa nos países do oriente, mas já ganhou o cardápio do brasileiro, principalmente dos portadores de diabetes. Entre os benefícios desse alimento está o controle da doença. E não é só isso que ela faz de bom para o organismo. Veja outras vantagens em incluir este tubérculo na sua alimentação:

batata yacon - Foto Getty Images

Ajuda no controle do diabetes

Uma pesquisa desenvolvida pela Universidade de Franca (UNIFRAN), em São Paulo, afirma que o consumo diário da batata yacon pode ajudar no controle da glicemia em portadores de diabetes tipo 2. Segundo os pesquisadores, o tubérculo é rico em um carboidrato chamado frutooligossacárico, que age de forma semelhante as fibras em nosso organismo. Um carboidrato simples - também conhecido como amido - é absorvido rapidamente pelo organismo, elevando as taxas de glicose no sangue em uma velocidade maior e gerando picos de insulina. Já no caso do carboidrato presente na batata yacon o que acontece é o contrário. "Nosso corpo não consegue quebrar as moléculas desse carboidrato com tanta facilidade, por isso sua absorção é mais lenta", diz o nutrólogo Roberto Navarro. E por que esse mecanismo faz diferença no controle do diabetes? "Os carboidratos da batata yacon, por serem de lenta absorção, liberam o açúcar no sangue em baixas quantidades, equilibrando as taxas de glicose do organismo e, consequentemente ajudando a controlar a doença, como fazem as fibras", completa o especialista.


Baixa caloria O carboidrato da batata yacon é menos calórico que um carboidrato simples, afirma a nutricionista Christiane Rocha Veloso, de Minas Gerais. Cada 100 gramas da batata yacon tem cerca de 30 calorias, ao passo que a batata inglesa tem 52 calorias na mesma porção. "Esse possui um alto percentual de água (em torno de 83 a 90% do seu peso), fator que diminui o nível calórico", aponta a especialista.


Intestino reguladoMais um ponto positivo da batata é o seu benefício em regular o trânsito intestinal. Em um outro estudo, desenvolvido por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), a descoberta foi que a batata yacon é rica em inulina, um tipo de carboidrato do grupo dos frutooligossacáricos que é altamente fermentado pela flora intestinal, servindo de alimento para essas bactérias. "Isso ajuda a estimular o crescimento de bactérias boas para o intestino, fazendo com que ele funcione melhor e evite problemas como intestino preso", explica o nutrólogo Roberto.

Aumenta a saciedade A batata yacon proporciona uma sensação maior de saciedade, fazendo com que a pessoa levem mais tempo para sentir fome novamente. Isso acontece, novamente, em função de o alimento ser um carboidrato de ação lenta. "Isso porque a batata irá frear a absorção da glicose, proporcionando saciedade", diz. "Para quem quer aproveitar esses efeitos, o melhor é incluir duas ou três fatias da batata em um suco para ser consumido entre as refeições", recomenda Roberto Navarro. Dessa forma, você retarda a absorção de glicose do suco e ainda aproveita todas as vitaminas das frutas.

Controla o colesterol Para entender o mecanismo de ação da batata yacon na redução do colesterol, primeiro é preciso saber que muito do colesterol presente em nosso corpo é produzido pelo próprio organismo, no fígado. "Esse colesterol também é chamado de sal biliar e atua na digestão de gorduras", explica o nutrólogo Roberto. Depois de ser usado na digestão dos alimentos, esse colesterol volta para o fígado, onde deve ser reabsorvido para produzir uma nova bile. No entanto, se a flora intestinal não estiver funcionando como deveria, o sal biliar não é absorvido e vai para a corrente sanguínea, elevando os níveis de colesterol no sangue. "Por ajudar a flora intestinal a funcionar melhor, a batata yacon ajuda indiretamente na absorção de colesterol, impedindo que ele se acumule no sangue e controlando suas taxas."

Mantem o organismo longe de doençasUma flora intestinal em ordem é essencial para o controle dos processos inflamatórios e infecções. De acordo com a nutricionista Christiane, quando você estimula o crescimento da flora intestinal benéfica, ela será mais efetiva no extermínio de bactérias que entram em nosso organismo por meio da alimentação, como a salmonela. "O desenvolvimento da flora intestinal proporcionado pela batata yacon ajuda diretamente na prevenção de doenças e no fortalecimento da imunidade", diz a nutricionista.

Rica em potássio A batata yacon também é rica em potássio, um mineral importante para diversas funções do organismo. Além de ajudar na reconstrução muscular, prevenindo contra dores, cansaço e fadiga muscular, o potássio também ajuda no controle da pressão arterial, prevenindo doenças cardíacas. "Se a sua intenção é obter mais potássio para melhorar a performance na atividade física, prefira consumir a batata yacon acompanhada de frutas ou outra fonte de carboidrato, já que o tubérculo oferece baixas taxas de glicose e, consequentemente, menos energia para a atividade física", alerta o nutrólogo Roberto.



 Contribuição:
Vera Lúcia
Secretaria

Cuidando da sua saúde...

Baixa umidade do ar deixa São Paulo e outras regiões do país em estado de alerta


Aprenda a enfrentar o clima seco com medidas simples.


A umidade relativa do ar em alguns estados brasileiros já é bastante preocupante. No começo da semana, Pará, Maranhão e Piauí estavam com umidade relativa abaixo dos 30%. Mais alarmante, entretanto, foi o índice registrado em São Paulo. A capital registrou na terça-feira o menor índice de umidade em três anos, com umidade relativa de 20%. Em São José dos Campos, a porcentagem chegou aos 15%. A cidade de São Paulo deve permanecer em alerta até domingo.
O estado de alerta é definido quando a umidade do ar fica entre 20% e 30%. De acordo com a Climatempo, há a possibilidade de a capital entrar novamente em emergência neste sábado, quando os níveis de umidade podem ficar abaixo de 20%.
As complicações do clima seco são de tirar o fôlego, literalmente. Os problemas para o sistema respiratório são vários: os casos de pneumonia, gripe, sinusite, alergias e resfriado crescem até 25%, segundo a Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo quando a baixa umidade do ar faz com que os índices de poluição aumentem. Para além dos problemas respiratórios, o tempo seco pode causar dores de cabeça, irritações nos olhos, nariz, garganta e pele. A garganta pode ficar seca, a voz rouca, inclusive com possibilidade de inflamação na faringe.
Por isso, alguns cuidados são fundamentais para atravessar o clima seco com a saúde em plena forma. Basta seguir alguns cuidados simples que deixam o corpo livre dessas reações incomodas. Confira:


Beba bastante água


Com a baixa umidade do ar, o cuidado mais básico e que deve ser feitos por todos - em especial idosos e crianças -, é hidratar o corpo com bastante água mineral. "A hidratação pode ser feita também com os sucos de fruta naturais, água de coco, verduras e frutas suculentas", ensina a alergista Marta Guidacci. Além disso, também é recomendado evitar o consumo de fast-food.


Mantenha a casa limpa


Quanto mais seco o clima, mais ácaros e fungos aparecem. Por isso, o acúmulo de poeira pode desencadear as doenças respiratórias. É muito importante, em especial quando o clima estiver seco, manter a higiene doméstica em dia. Passar um pano úmido no piso e móveis afasta a poeira e protege a saúde.


Deixe o sono mais fresquinho


Deixe o sono mais fresquinho: As dicas da Secretaria do Estado para uma noite de sono tranquila é dormir em local arejado e umedecido. Os ambientes podem ser umidificados com toalhas molhadas, reservatórios de água e até umidificadores.


Lubrifique os olhos


Para evitar a secura e a irritação do olhos, o soro fisiológico é uma ótima opção. Use colírios apenas com a prescrição de um especialista


Cuide da pele


"Outra dica que garante a saúde e a beleza da sua pele nos dias de baixa umidade do ar é apostar em cremes hidratantes", explica Marta Guidacci. Para deixar a pele bonita, é preciso lambuzar o corpo com hidratantes e filtros solares, evitar banhos quentes, demorados, além do uso de sabonetes em barra, que são mais agressivos, e buchas.

Esporte na hora certa

A prática de esportes também merece atenção especial no tempo seco. O corpo se cansa mais facilmente, a garganta passa a arranhar e os olhos ficam irritados com facilidade. "É recomendado que os exercícios físicos sejam feitos nas primeiras horas da manhã, no final da tarde ou à noite, quando o clima seco não incomoda tanto", diz Rafael Ollita, professor da academia Top Spin & Big Ball.
Natação, hidroginástica e os demais esportes na água são uma boa alternativa se o ar pesado estiver incomodando. Os exercícios aquáticos são os mais recomendados nesta situação, pois em um ambiente de piscina, a umidade do ar tende a ser maior do que em locais abertos, o que diminui essa constante agressão causada pela poluição ao sistema respiratório.


 Contribuição:
Vera Lúcia
Secretaria

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Brincadeiras Folclóricas...

Na aula do Mestre Grilo, trabalhando o Folclore, foram resgatadas algumas brincadeiras:

  •  Jogo da velha;
  • Pega varetas;
  • Pular corda;
  • Elástico;
  • Peteleco
  • e outras...
Coordenação do Integral,
Lucinha.





quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Dia dos Pais no Integral...

As crianças do Integral, cantaram e emocionaram a todos, na festa em homenagem ao Dia dos Pais. Em seguida, é claro, um delicioso café da manhã com os filhos.
Parabéns papais, e obrigada pela presença e participação!


Coordenação do Horário de Extensão,
Lucinha.





Ideb 2011: Brasil supera metas, mas ensino médio ainda preocupa...

Desde 2005, avanço nos anos iniciais do ensino fundamental é três vezes maior do que no médio.

RIO - A educação no Brasil melhora mais rápido na base do que na ponta. É o que mostra o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2011, indicador bienal divulgado nesta terça-feira pelo Ministério da Educação (MEC). Nos anos iniciais do ensino fundamental, o país atingiu a nota 5, um crescimento de 0,4 em relação a 2009, e já superou a meta prevista para 2013, de 4,9. O avanço nos anos finais do fundamental foi mais lento: subiu de 4 para 4,1, mas bateu a meta estabelecida, de 3,9. Já o Ensino Médio continua sendo o calcanhar de aquiles do sistema educacional. Com uma melhora de 0,1, atingiu o objetivo, de 3,7, mas continua com resultados piores do que os outros segmentos.

Se forem analisados os avanços obtidos desde 2005, quando o índice foi calculado pela primeira vez, a nota dos anos iniciais evoluiu três vezes mais rápido do que a do ensino médio: de 3,8 para 5, enquanto o último segmento saiu de 3,4 para 3,7. Assim, os dados mostram que, na medida em que o aluno avança na sua vida escolar, seu rendimento piora. A lentidão na melhora também é observada nos anos finais do ensino fundamental. A cada biênio, a melhora tem sido menor.
Em entrevista coletiva para a imprensa, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, comemorou os resultados.
- É uma vitória dos professores do país. Ao mesmo tempo, nos diz que é preciso trabalhar intensamente porque há muito desafios ainda pela frente - disse.
O ministro lembrou que os avanços obtidos nas séries iniciais são fruto de investimentos do governo federal, mas também da ação de professores.
- Políticas públicas são importantes, mas o fundamental é o professor em sala de aula e o gesto da escola.
Mercadante manifestou preocupação, no entanto, com indicadores que mostram que, no Nordeste, 1/3 dos alunos chegam aos 8 anos sem ter sido alfabetizados. Para isso, prometeu um pacto nacional para garantir a alfabetização na idade certa. O governo federal vai lançar o programa ainda este mês incluindo estímulos financeiros para professores dedicados à alfabetização.
Para a diretora-executiva do Todos pela Educação, Priscila Cruz, deve-se comemorar os resultados dos anos iniciais. Para ela, o avanço ocorreu em virtude dos investimentos que vêm sendo feitos na alfabetização.
- Temos que comemorar os resultados nos anos iniciais do fundamental. Houve avanço porque os investimentos estão sendo feitos na alfabetização. O plano do MEC de alfabetizar na idade certa, provavelmente, fará com que os resultados melhorem. Agora, é necessário que haja um pacto entre municípios e estados para que não haja descontinuidade dos bons resultados conforme os alunos vão avançando na escola. E o Ideb também não deve ser encarado apenas como um ranking, mas como um processo, analisando o que dá certo e o que não funciona, para que a educação melhore - diz Priscila. - Infelizmente, com o passar dos anos, cai a porcentagem do que os alunos aprendem, as escolas perdem a capacidade de garantir que aprendam.
Já Naércio Menezes Filho, professor de Economia e coordenador do Centro de Políticas Públicas do Insper, em São Paulo, um dos motivos para o bom desempenho dos anos iniciais do ensino fundamental não continuar no ensino médio está no fato de que o aprendizado é cumulativo, então “os vícios e problemas de aprendizado que o aluno acumulou em anos anteriores aparecem com mais clareza lá no final'':
- Além disso, um colégio municipal fica mais anos com um aluno, tem mais tempo para trabalhar mudanças, enquanto a rede estadual, que cuida do ensino médio, fica apenas três anos com o estudante.A meta estabelecida no Plano de Desenvolvimento da Educação (PDE) é de que o Brasil atinja a nota 6 nos anos iniciais em 2021. Esta é considerada a média dos países desenvolvidos da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) - explica o professor.
Na Prova Brasil, os estudantes fazem avaliações de português e matemática. Foram exatamente estas provas que puxaram o índice no primeiro segmento do ensino fundamental. A média nas duas disciplinas subiu de 5,22 em 2009 para 5,43 em 2011. Ao mesmo tempo, a aprovação diminuiu, o que puxou o número para baixo. O Índice de Rendimento (IR), que consolida as taxas de aprovação e reprovação, caiu de 0,91 para 0,89. Nos anos finais do fundamental, tanto o IR quanto a média das notas na Prova Brasil melhoraram: de 0,82 para 0,83 e de 4,88 para 4,97.
No caso do ensino médio, nada mudou em dois anos. A taxa que mede a eficiência do fluxo escolar permaneceu em 0,8, assim como o desempenho dos alunos, que ficou em 4,57.


Entenda o Ideb

O Ideb é um índice desenvolvido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) que tem como objetivo mensurar a qualidade da educação brasileira. No seu cálculo são combinados dois fatores: o desempenho dos estudantes na Prova Brasil, aplicada a cada dois anos, e a taxa de aprovação das redes, usada para medir a eficiência do fluxo escolar. Por isso, uma rede pode ter um desempenho acadêmico melhor do que outra, mas um Ideb pior, devido a taxas de aprovação menores.


 Contribuição:
Vera Lúcia
Secretaria